Home / Blog / As 10 táticas de marketing para MEI que vão fazer de seu negócio um sucesso

As 10 táticas de marketing para MEI que vão fazer de seu negócio um sucesso

Como definir de forma rápida e sem “marketês” seu público-alvo, diferencial, posicionamento e outras dicas de marketing para MEI vender +.

Sem tempo para ler? Que tal ouvir esse texto? Clique no play e ouça a matéria:


Tem seu negócio próprio, finalmente abriu sua MEI e agora está procurando fazer a empresa crescer? Quer conquistar mais clientes?

Para isso, você precisa desenvolver algumas ações de marketing para MEI.

Pensando nisso, selecionamos 10 ações práticas e objetivas que você pode começar a desenvolver agora mesmo em seu negócio.

Confira, entenda, ponha em prática e comece a faturar mais!

Leia também: Como criar um plano de marketing para micro e pequena empresa em 5 passos

10 truques de marketing para MEI

1. Público-alvo: para quem você vende?

Este é o primeiro passo para quem quer fazer o marketing para MEI funcionar.

Defina claramente para quem você vende. Quais são as características dessas pessoas ou empresas? Só dessa forma você poderá direcionar adequadamente suas ações de marketing.

Para isso, analise o perfil de seus melhores clientes. Você também pode fazer pesquisas digitais online gratuitas usando ferramentas como o Google Forms.

2. Diferencial: o que você faz melhor que os outros?

O diferencial é aquilo que faz seus clientes preferirem a sua empresa e não a dos concorrentes.

É uma característica de seu negócio que te confere uma vantagem competitiva sobre as demais empresas do seu ramo. Pode ser a localização, pode ser a qualidade dos serviços, um atendimento personalizado, a rapidez etc.

Não importa. O importante é que você se diferencie da concorrência.

3. Posicionamento: a frase que te define

Posicionamento é o lugar que você ocupa na mente dos clientes, aquilo que vem à cabeça deles quando pensam em sua marca.

Uma maneira de definir o posicionamento de marketing para MEI (ou para qualquer outro tipo de empresa) é usando a técnica do Golden Circle (Círculo de Ouro, em inglês).

Ela consiste em responder a três perguntas. A última, corresponde ao seu posicionamento. Veja como isso funciona usando o exemplo de uma doceria:

  • O que você faz: bolos e tortas
  • Como você faz: misturando os melhores ingredientes e servindo com muita dedicação
  • Por que você faz: para adoçar a vida das pessoas

Pronto, essa frase final é o posicionamento de sua empresa!

Veja mais sobre o Golden Circle neste infográfico criado pela HEFLO:


4. Crie um e-mail profissional

Esta é uma providência simples e barata, mas que faz toda diferença. Ter um e-mail genérico, do tipo @gmail ou @uol não passa nenhuma confiança para seus clientes.

Não tem como levar o marketing de um MEI a sério se ele sequer conta com um e-mail para sua empresa.

Por isso, invista um pouquinho e providencie uma conta de e-mail corporativa.

5. Use as mídias sociais

É grátis! Sim, isso mesmo, ter uma Fanpage no Facebook, uma página no LinkedIn ou um perfil de sua empresa no Instagram não custa nada e pode te dar bastante visibilidade.

Faça postagens ao menos semanalmente, mas não com anúncios de produtos ou serviços. Poste informações relevantes para seus clientes, coisas que possam ajudá-los ou que sejam de seu interesse.

Ninguém gosta de receber propaganda, por isso, busque outras estratégias. Procure divulgar informações úteis e interessantes que tenham a ver com o seu negócio.

Este post também pode interessar a você: Como criar um plano de marketing para micro e pequena empresa em 5 passos

6. Crie um blog

Um pouco mais complexo do que postar em mídias sociais, a criação e manutenção de um blog pode trazer excelentes resultados. No entanto, demanda um tempo que muitos MEIs, às vezes, não tem.

Ferramentas para blog gratuitas existem várias. Como o wordpress.org, por exemplo. Nesse canal você deve criar artigos relevantes e informativos para seu público-alvo, não divulgar propaganda!

Além disso, deve fazer um trabalho de SEO. Isto é: usar nos textos as palavras-chave mais empregadas por seu público quando fazem buscas no Google. Existe uma ferramenta gratuita do Google para ajudar a encontrá-las, é o Google Keyword Planner.

7. Participe de eventos

Apareça, veja e seja visto. Com certeza existem diversos eventos de sua área de atuação que você pode participar. Além disso, esteja presente em eventos que podem interessar ao seu público.

Vá a feiras de negócios, palestras e também a atividades sociais onde possa encontrar possíveis clientes. Faça parte de clubes e associações.

Só tome o cuidado de não falar apenas de negócios quando os eventos forem sociais e não profissionais.

8. Tenha um cartão de visitas

Pode parecer antiquado. Mas o cartão de visitas é importante exatamente nesses momentos de interação direta com possíveis clientes. Nesses casos, ficar anotando números de telefone e endereços de e-mail em papeizinhos não é nada prático.

Faça um cartão de qualidade (nada de imprimir em casa!) com cores discretas e um logotipo de seu negócio.

Existem sites especializados onde você pode conseguir fazer isso por um ótimo preço e sem sair de casa, como o Criar Cartão, por exemplo. Pesquise vários desses sites e crie seu cartão em um deles.

9. Faça pesquisas de satisfação

Acha que só grandes empresas fazem pesquisa de satisfação de clientes? Está enganado.

Você pode fazer isso imprimindo pequenos questionários em papel (3 perguntas, no máximo) e entregando a seus clientes assim que lhes presta um serviço ou vende uma mercadoria.

As perguntas podem ser:

  • Está satisfeito com nosso serviço (ou produto)?
  • De 0 a 10, qual a possibilidade de indicar nossa empresa para um amigo?
  • Como acha que poderíamos melhorar?

O objetivo é ter o máximo possível de notas 8 ou 9 (pessoas que admiram seu negócio) e o mínimo de notas de 0 a 6 (clientes que não gostam de sua empresa).

Essa pesquisa de satisfação do cliente também pode ser feita gratuitamente online, com formulário eletrônicos, como comentamos no item 1.

10. Use a tecnologia

Falamos de vários aplicativos e ferramentas no decorrer deste texto. Mas existem muitos outros que também podem te ajudar no marketing para sua MEI.

Softwares de gestão de vendas, os chamados CRM, são perfeitos para isso e, da mesma forma como os outros programas citados, existem diversos deles com planos gratuitos. Pesquise, escolha o melhor e comece a usar agora mesmo!

Leia mais: Como informatizar uma pequena empresa: processo + dicas

Agora que você já descobriu os segredos do marketing para MEI, que tal descobrir quanto custa fazer tudo isso? Então, baixe nosso e-book gratuito: Planejamento de Custo com Marketing

Equipe Qipu

Aug/28/2019

Contabilidade Online , Contabilidade Online Qipu , Contbilidade Simples Nacional , Simples Nacional , Microempreendedor Indivdual , MEI , Marketing para MEI

Compartilhe

Facebook Twitter Linkedin Google+

Não deixe de ler também

BAIXE GRÁTIS O APLICATIVO | Ou acesse a versão web